CÔJA – PORTAS DO AÇOR

EO 2020 CojaPrograma
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider
  • slider

Localizada à entrada da Serra do Açor, Côja é uma das belas Aldeias de Xisto da cidade universitária – Coimbra, no Município de Arganil. Escondida no meio da Natureza, rica em fauna e flora diversificada, ladeada pelo rio Alva, com surpreendentes acidentes geológicos, como a Fraga da Pena, esta é uma das vilas de Portugal que merece decerto uma visita com toda a família.

Coimbra é conhecida por ser a cidade universitária, o berço da sabedoria, mas quem ousa conhecer um pouco mais da beleza deste concelho de Portugal e das suas pequenas vilas e aldeias ao redor, pode ser surpreendido por lugares fantásticos onde é abraçado pela perfeição da Natureza e a simpatia das pessoas.

Iniciamos esta visita, precisamente, na ponte romana, marcada pela história das batalhas portuguesas, onde os napoleónicos foram derrotados pelos lusitanos.
O rio Alva dá as boas vindas aos visitantes, refletindo a bela vila nas suas águas. Ainda no rio, encontra a praia fluvial de Côja, classificada com bandeira azul, o local ideal para passar umas férias calmas com as crianças, em época balnear.

Ali, pode fruir de momentos de tranquilidade e sossego e no verão pode praticar alguns desportos radicais.

Se chegar à cidade na hora de almoço, como foi o nosso caso, aproveite para comer um belo bife ou o prato do dia, que com sorte pode ser tradicional e as crianças vão adorar - no Steak-House. A baba de camelo é deliciosa!

Mas, se procura uma alimentação à base de produtos naturais e regionais, experimente o D’aqui e D’acolá, há petiscos infantis, pastéis de chaves e sobremesas do dia.

Baterias recarregadas, prepare-se para a aventura na Fraga da Pena, que constitui um interessante acidente geológico atravessado pela Barroca de Degraínhos, originando um conjunto de cinco sucessivas quedas de água, ou seja, belas cascatas de água cristalina e fresca.

Este local conserva, nas margens da linha de água, alguns exemplares antigos de carvalho alvarinho, castanheiro e algumas espécies de cariz mediterrâneo como o medronheiro, o folhado e o aderno. Quanto à fauna, destacam-se anfíbios como a rã-ibérica e aves como o guarda-rios.

Explore cada um dos segredos desta fraga, percorra os passadiços que o levam até cada uma das cascatas e se as crianças já forem mais crescidas, leve-as até à última cascata onde poderão não só desfrutar da beleza desta Natureza, como mirar toda a cidade de um ponto privilegiado.

Se tiver tempo, descubra a aldeia de Piódão, completamente de xisto. Vai ficar encantado.

No caminho de regresso para a vila pode parar num parque infantil perto da fraga ou se preferir ao chegar no centro de Côja, no Parque Verde do Prado também existe um parque para as crianças, ao ar livre, em contacto direto com a Natureza.

Termine a visita com excelência, sente-se com toda a família na esplanada da Boutique da Tuxa, peça um pastel de Tentúgal, com massa folhada e recheio de doce de ovos que não há igual, delicie-se.

Para descansar pode escolher o Hotel de Arganil, que fica bem pertinho da vila, no parque de campismo perto da praia fluvial ou se preferir na Quinta dos Sobreiros, uma quinta escondida no meio da Natureza, onde as crianças vão poder brincar, correr ao livre, apanhar flores, jogar à bola, subir às árvores, ouvir os pássaros e ver as estrelas bem perto de si e no verão e quem sabe dar um mergulho na futura piscina que está quase a terminar.

Descanse e recarregue as baterias!

Fotografias: Humar Santos