O MUSEU, MUITAS COISAS

EO 2021 Região de LisboaMuseu
  • slider

O Museu de Etnologia tinha um sonho: ter uma exposição permanente do seu riquíssimo espólio. Já tem e vale bem a pena lá ir.

Levar os nossos filhos ao Museu Nacional de Etnologia é dar-lhes a possibilidade de uma forma lúdica perceberem que o Mundo é muito maior e mais diversificado que a nossa rua ou o nosso país. O museu dá-nos a possibilidade de num passeio de fim de semana mostrar-lhes usos e costumes em registo completamente diferente dos das sociedades modernas ocidentais. Para as crianças é a descoberta da diversidade do planeta. Ficam a saber que nem todos vivem como nós e não são mais infelizes por isso.

O espólio deste museu é muito rico. Para os mais pequenos haverá, no entanto, coleções mais interessantes que outras. Vão, sem dúvida, deliciar-se com as figuras de teatro de sombras de Bali, uma antiga tradição da cultura indonésia. As meninas vão aprender que as bonecas não são só as barbies, existem também as bonecas do sudoeste angolano, ou ainda, as máscaras e as marionetas do Mali. Também a exposição de instrumentos musicais populares portugueses será muito apreciada e vão descobrir possivelmente instrumentos nunca antes vistos. Ou seja, no final, saem todos mais ricos da visita.

E porque o Museu de Etnologia fica mesmo junto ao estádio do Belenenses, no Restelo, há duas deliciosas opções a tomar no final da visita: descer até Belém e lanchar nos sempre apetecíveis Pastéis de Belém ou ir até ao “Careca”, no bairro do Restelo, e lanchar os inigualáveis croissants e palmiers.

Bom apetite!