UM ANO DE APRENDIZAGENS EM SERRALVES

EO 2019 PortoAtividades Pedagógicas e LúdicasAté Jun.M/0Sob Consulta
  • slider

A Fundação de Serralves partilha o seu programa de atividades, fruto de um trabalho integrado entre as Artes e o Ambiente, na qual a partilha e a experiência, são o mote para a promoção da criatividade, da reflexão e da ação.

As visitas, visitas-oficina e oficinas, oferecidas aos alunos, e também às famílias, e os programas dirigidos aos professores, procuram incentivar a descoberta e a invenção perante o signo da autonomia.

Este ano a novidade são os dois novos equipamentos da fundação – A Casa do Cinema Manoel de Oliveira e o Treetop Walkway, que possibilitam uma maior e mais diversificada oferta, nomeadamente ao nível do cinema e da experimentação da biodiversidade e educação para a sua conservação.

Programa:
Experimentar
Procurando vivenciar o conhecimento por meio da experiência partilhada, “Experimentar” orienta os programas desenvolvidos para a comunidade escolar.

Exposições
O Museu de Serralves apresenta um programa diversificado de exposições que constituem oportunidades singulares para vivenciar a arte contemporânea. Além de contextualizarem as obras expostas, as visitas orientadas têm como método o acolhimento de diferentes modos de ver e o estímulo da autonomia de quem nos visita na sua relação com a obra de arte contemporânea.

Espaços arquitetónicos
O Museu de Serralves é o ponto de partida para uma experiência que relaciona a sua arquitetura com a da Casa de Serralves, exemplar único da arquitetura art déco, e com o Parque de Serralves.

Esculturas
A Coleção do Museu de Arte Contemporânea de Serralves conta com um importante conjunto de obras que propõem diálogos entre a arte e a natureza e os conceitos relacionados com arte e paisagem. Neste contexto, esta visita orientada propõe a descoberta do acervo de escultura contemporânea ao ar livre sob o formato de um percurso que procura estimular o olhar atento e a reflexão crítica sobre as diversas linguagens da arte.

Parque
O Parque de Serralves, quer pelo seu desenho quer pelo momento da sua construção, é hoje uma referência não só nacional, como internacional da arte paisagista da primeira metade do século XX. É um espaço de grande valor ecológico ao nível da biodiversidade que sustenta, assumindo-se como uma zona verde urbana que desempenha um papel crucial enquanto promotor de conexão, reflexão e transformação.

Conhecer os ritmos da natureza e respeitar os seres vivos que nela habitam é também um convite a fazermos parte integrante da biodiversidade integrar.

Composto por visitas em Língua Gestual Portuguesa (LGP) e um vasto programa de atividades para grupos com necessidades especiais ou em situação de vulnerabilidade social.

Visitas
O Museu de Serralves apresenta um programa diversificado de exposições. A visita orientada procura contextualizar as obras expostas, na perspetiva de provocar o diálogo e suscitar múltiplas interpretações. O percurso no Parque de Serralves possibilita o reconhecimento do valor paisagístico, ecológico e estético de um lugar com características singulares, vocacionado para experiências e aprendizagens múltiplas.

Visita-oficina

A visita-oficina oferece a possibilidade de descoberta do património de Serralves, bem como das exposições patentes no Museu. São definidos percursos temáticos que conjugam a componente teórica e dialogante com a realização de pequenos momentos de experimentação nas galerias de exposição, com uma dinâmica de comunicação pensada para públicos com necessidades educativas especiais.

Oficinas
As oficinas pretendem explorar de uma forma dialogada e dinâmica o património vivo de Serralves – desde a componente natural do Parque aos desafios convocados pelo universo das exposições de arte contemporânea no Museu. Assim, as propostas apresentadas interpelam a perceção sensorial e despertam a curiosidade para a experiência e para o contacto com novos temas, materiais e suportes.

Casa do Cinema Manoel de Oliveira
Inaugurada no dia 24 de junho de 2019 disponibiliza uma programação regular dirigida ao público escolar, com a conceção e dinamização de oficinas, visitas-oficina e visitas orientadas às exposições, bem como apoio à participação nos diversos ciclos de cinema, assente na literacia do olhar no e pelo cinema promovidas para as escolas e para o público familiar tanto na valência das Artes como do Ambiente.

Acrescenta-se o programa “Um Filme Falado” que une a reflexão e o debate à fruição cinematográfica, a incentivar o olhar crítico e o desenvolvimento de uma relação atenta e informada sobre a obra de cineastas selecionados, além da própria obra de Manoel de Oliveira.

A programação concebida tem por princípio dar a conhecer em profundidade a obra do cineasta português, promovendo a experimentação e a descoberta do cinema contemporâneo, dos fundamentos da imagem animada e do pré-cinema através de mecanismos lúdicos, analógicos ou digitais.

Programa regular para as escolas
Alicerçado em métodos pedagogicamente orientados, o programa regular para as escolas concebido pelo Serviço Educativo para a Casa do Cinema Manoel de Oliveira é composto por Visitas Orientadas, Visitas-Oficina, Oficinas, e pelo programa “Um Filme Falado”. Estas atividades procuram informar, incentivar o olhar e o pensamento crítico além de estimular a descoberta e o entusiasmo pelo cinema e pela obra cinematográfica contemporânea portuguesa e internacional.

Consulte aqui o programa completo.

Mais informações e inscrições: 226 156 500 | Site | Email