SEGURANÇA NA ESCOLA

EO 2016 Segurança | Fonte: Apsi - Associação Para a Promoção da Segurança Infantil
  • slider

A partir de determinada idade, as crianças passam a maior parte do seu tempo na Creche, Jardim de Infância ou na Escola. É fundamental que a escola seja segura e esteja preparada para as crianças, para que não aconteçam acidentes graves.

- Visite com regularidade as instalações e procure perceber como decorrem as atividades e se os procedimentos de segurança são respeitados. Participe nas atividades da escola e nas reuniões de pais e estabeleça uma relação de proximidade com os professores e auxiliares.

- Confirme se as escadas, janelas, varandas e terraços estão protegidos para evitar quedas de alturas elevadas (com cancelas, limitadores de aberturas, guardas não escaláveis, respetivamente).

- Verifique se os acessos à cozinha e às arrecadações, onde os produtos de limpeza são guardados, estão bem fechados e/ou são de acesso difícil pelas crianças.

- Averigue se os pisos dos espaços exteriores (recreio, campo de jogos) estão bem mantidos e se os equipamentos desportivos e os parques infantis estão bem fixos e não têm peças partidas ou soltas.

- Verifique igualmente se, nas horas de entrada e saída das crianças, não existe circulação de veículos com velocidade excessiva, carros parados em segunda fila ou em cima de passadeiras, que dificultam a deslocação e atravessamento da criança em segurança.

- Saiba se há procedimentos em caso de emergência que todos os profissionais conhecem e cumprem (por exemplo, em caso de acidente ou doença). Deverá haver um plano de emergência, já testado, extintores de incêndio e saídas de emergência devidamente assinaladas.

- Informe-se como é feito o transporte das crianças para passeios, visitas de estudo e outras atividades fora da instituição. O veículo – carrinha de nove lugares ou autocarro – deve ter cintos em todos os lugares e sistemas de retenção para crianças adequados. Disponibilize a sua cadeirinha ou banco elevatório caso necessário.

- Se algumas destas situações não se verificar organize-se com outros pais e apresente a situação ao conselho diretivo da escola.


Conteúdo sugerido pela APSI - associação para a promoção da segurança infantil