REVIVER O PASSADO NA CURIA

EO 2017 Centro de PortugalNatureza e HistóriaM/0
  • slider

Vale a pena descer a pé o Vale dos Fetos e mostrar aos seus filhos os maiores fetos da Europa.

Não deixe de ver a Fonte Fria, uma cascata em escadaria de pedra alimentada por nascentes naturais. Descubra a rara beleza da Mata do Buçaco, considerada património nacional, com árvores seculares, raras e exóticas, plantadas pelos Frades Carmelitas que ali estabeleceram um Convento em 1628.

No coração da mata, obrigatório ver o Palace Hotel do Buçaco, que é uma verdadeira joia de arquitetura. Depois, mesmo ao lado, visite o convento carmelita, todo forrado a cortiça, onde o Duque de Wellington dormiu durante a batalha do Buçaco. Siga para o Museu Militar. Lá dentro revivem-se as batalhas dos portugueses contra as tropas de Napoleão. Valiosas coleções de armas e uniformes farão as delícias dos mais novos, principalmente dos rapazes.

Vá até à vila do Luso e leve as crianças até à bica da nascente para poderem beber a água que só conheciam das garrafas. A hora do almoço aproxima-se. O Luso tem ótimos restaurantes, o difícil é escolher. Propomos-lhe que procure dormida num dos históricos hotéis da Curia e mergulhe na arquitetura "Belle Époque" e "Arte Nova".

O Hotel das Termas da Curia, que se encontra dentro do Parque das Termas, tem um espaço fantástico exterior onde todos os membros da família poderão passar momentos inesquecíveis. Alugar uma gaivota e dar um passeio no grande lago artificial, passear de bicicleta pelos caminhos do parque, divertir-se na piscina e, ao fim do dia, ainda jogar uma partida de ténis enquanto os mais pequenos brincam no parque infantil são algumas das ideias que lhe deixamos para se divertir neste hotel.

No domingo de manhã vá até Anadia e visite o Museu do Vinho da Bairrada, cujo espólio ilustra a evolução técnica da viticultura numa exposição intitulada "Percursos do Vinho" que mostra às crianças, de forma muito apelativa, como das uvas se chega ao vinho.

Para almoçar delicie-se com o leitão da Bairrada. Da parte da tarde, siga pela A1 até à povoação de Montemor-o-Velho que se protege dentro dos muros do castelo, uma fortificação que terá sido edificada no século X. A vista a este castelo, um dos mais belos de Portugal, vai deliciar grandes e pequenos. Na Quinta da Gardoa visite o parque zoológico Europaradaise com 250 espécies que podem ser vistas em condições de semi-liberdade. Há animais como o Casoar, um descendente de uma das maiores aves pré-históricas, e a Lebre da Patagónia. Vale a pena, não é caro e fecha da melhor maneira um fim de semana bem passado!