CASTROS E CASTELOS EM "TERRAS DE LANHOSO"

EO 2016 Porto e NortePatrimónioM/0
  • slider
  • slider

A menos de uma hora do Porto, a seguir a Braga, praticamente sempre por auto estrada, encontra, um lugar fascinante situado entres os rios Cávado e Ave, a Póvoa do Lanhoso.

A primeira paragem é o Castelo de Lanhoso, um monumento de visita obrigatória, não só pela sua localização privilegiada, mas também pela exposição que apresenta. Ali estão patentes alguns dos achados mais importantes e significativos da sua história. Nos arredores do Castelo, no Monte do Pilar, encontra-se o Castro de Lanhoso. Trata-se de um povoado fortificado, um belo exemplar de Cultura Castreja, com casas de planta circular e retangular, com mais de 2.000 anos de história. Através da consulta do "Quiosque Digital" é possível aceder a um significativo conjunto de informações sobre a história do sítio e do conjunto formado pelos diversos vestígios e marcos de ocupação deste monte de Lanhoso.

Passada a manhã, tem agora várias hipóteses para a parte da tarde, dependendo dos seus interesses, idade das crianças e estado de espírito, propomos-lhe três alternativas;

  1. O Santuário de N.ª Sra do Porto d'Ave, localiza-se na freguesia de S.Miguel de Taíde, na margem direita do rio Ave, a 6 Km de Póvoa de Lanhoso. Este Santuário foi elevado à categoria de Santuário Real por Carta Régia em 1874 e possui um vasto património acumulado ao longo destes três séculos, composto por arte sacra, na talha dourada, objetos litúrgicos e uma valiosa colecção de ex-votos.

  2. O Museu do Ouro de Travassos mostra-nos a forma de vida da população, estreitamente ligada ao trabalho do ouro. Apresenta a coleção recolhida no decorrer dos anos por Francisco de Carvalho, formada por numerosos objetos de ouro, utensílios, mobiliários e bibliografias relacionadas com a ourivesaria. Uma antiga oficina de ourivesaria, edifício do século XVII, alberga este Museu.

  3. O Diverlanhoso Adventure Park é espaço moderno orientado para o desporto aventura enquadrado no mundo rural. Isolado, no cimo de um monte, no lugar da Oliveira, onde se chega por caminhos em terra batida. É um parque que para além das atividades desportivas, proporciona alojamento e refeições em casas construídas em troncos de madeira. Ainda na "onda" do turismo natureza pode optar pelas atividades da Terra Pedestre, uma empresa que organiza "experiências" que têm por base vivências em grande proximidade com a natureza, mas também com a cultura da região.


Antes de partir para este dia cheio de emoções e descobertas, não se esqueça de consultar o site do Centro de Criatividade da Póvoa do Lanhoso, aqui poderá encontrar propostas interessantes para enriquecer o seu dia, desde oficinas de formação artística, a Jogos dramáticos para crianças, como espetáculos e performances interessantes e criativos.


Por fim, visite a Cave do Vinho Verde, localizada no edifício da Casa da Botica. Para além dos Vinhos do Concelho, apresenta outros produtos agro-alimentares e de artesanato, como mel, compotas, chás, sal condimentado, azeite, vinagre e licores. Neste espaço poderá encontrar ainda peças de escultura e a tão afamada Filigrana da Póvoa de Lanhoso. Uma oportunidade para escolher uma recordação para levar para casa!