CINE'ECO SEIA

EO 2017 SeiaFestival de Cinema14 a 21 Out.M/40€
  • slider

Porque o cinema ambiental também é para os miúdos, um conjunto de quatro sessões de curtas de animação e documentais pautam a programação infanto-juvenil do Cine'Eco Seia, que pretende assim envolver as famílias nas mais prementes questões ambientais mundiais.

Tendo como objetivo desenvolver uma abordagem crítica para o público-infantil, mostrando alguns dos mais relevantes problemas causados pela acção humana no ambiente, as sessões Curtinhas transformam o cinema num espaço de aprendizagem e mudança de consciências.

A visão de um mundo sem água de A Terra nas Minhas Mãos (Nicola Conte); os esforços de um menino para recuperar o ecosistema da sua ilha de Arquipélago (Diego Acevedo); o ecosistema subaquáico desenhado por Aquário (Diego Leonardo Yáñez Guzmán); os impactos da insústria exploradora do carvão em O Custo Real do Carvão (Vibor Juhas); a verdade sobre os balões de Quando os Balões Voam (Jilli Rose) ou as histórias de um agricultor de Comida que alimenta (Ianah Maia) são algumas das propostas que poderão ser vistas, pelas manhãs, no CineTeatro da Casa Municipal da Cultura de Seia.


CURTINHAS 01 (71’)

A Terra nas Minhas Mãos
O que aconteceria se toda a água da Terra tivesse desaparecido? Mara (13) é uma menina aventureira que está acostumada a ter tudo e nunca se questionou sobre o meio ambiente. Mas quando ela descobre o que realmente está a acontecer com a Terra, graças ao seu gato Pantufla, as coisas vão mudar.

Arquipélago
Um menino que vive numa ilha flutuante vai usar toda a sua criatividade para alcançar e ajudar as pessoas nas ilhas que o cercam e restaurar o equilíbrio do ecossistema.

Aquário
Este filme mostra o ecossistema da vida marinha e como ele sobrevive às diferentes intervenções humanas e ao impacto ecológico prejudicial que ele gera. Tem como objetivo desenvolver uma abordagem crítica para o público-infantil, mostrando os problemas de contaminação e alguns dos desastres industriais mais comuns. Problemas que são tratados de forma trágico-cómica através das aventuras de um peixe laranja muito especial.

O Custo Real do Carvão
A mina de carvão de Cerrejón devora o meio ambiente e os recursos naturais necessários para a vida das comunidades locais na Colômbia. Consome a água, a terra e os meios de subsistência e contribui para a crise humanitária em curso. Longe, na Croácia, a chaminé da central elétrica de Plomin sorri quase sinistra enquanto queima o carvão colombiano...

Quando os Balões Voam
Os balões podem ser divertidos, mas não pertencem ao ambiente. Uma curta animação sobre os balões nas nossas vias navegáveis, com os animais, funcionários e crianças da equipa do recinto Wild Seas no Melbourne Zoo, na Austrália.

Comida que alimenta
Maria Emília é uma menina que vai à feira agro-ecológica com sua mãe e ouve a história de um agricultor. Ele conta-lhe qual o caminho que o alimento da agricultura familiar agroecológica faz, desde a produção até chegar ao seu prato.

Chiripajas
Um filme ecológico, sobre a grande Aventura de uma pequena tartaruga, que tenta encontrar a sua família.

Fres Boi
Um laboratório abandonado no meio do Ártico, um esquimó perdido descobre algo que vai mudar sua vida para sempre: Fresboi. A história de uma amizade única, com mistérios e algumas surpresas...

17 out., 10h30
18 out., 10h


CURTINHAS 02 (94’)

O Rapaz da Praia
Uma história de dois amantes que se cruzam na estrela no antigo Vietname. Baseado num conto popular tradicional e adaptado para animação inspirado nos estilos de arte asiáticos.

O Homem da Água Doce
Numa cidade atingida pela seca, no meio do deserto da Califórnia, uma menina de dez anos desafia o seu avô, um bombeiro reformado e irritadiço, a não vender a água da sua propriedade, e a seguir um plano louco para levar a água de volta ao rio seco.

A Piscina de Caíque
Sonhando em ter uma piscina, Caíque e o a seu amigo inseparável divertem-se escorregar no chão molhado e ensaboado da área de serviço. Por causa do desperdício de água, Caíque acaba por arranjar problemas com a sua mãe.

Transformarias
As caixas de cartão pedem para serem recicladas, mas um certo homem captura-as para serem incineradas. Durante a passagem pela cidade, os cartões revelam-se tornando-se coisas incomuns, atormentando o malvado captor e, para finalmente, se libertarem.

O Último Índio
Quando a aldeia acaba, o velho pajé Tamai leva o último índio, o jovem Caiua, para viver com povo índio irmão. Durante o caminho vai ensinando Caiua, que vivia com os homens brancos, a ser índio de novo.

19 out., 20 out.: 10h