SESSÕES ESPECIAIS DO FILME "UMA CRIANÇA COMO JAKE"

EO 2019 LisboaConferência15, 16 , 23 Mar.: 21.30h7€
  • slider

A estreia do filme “Uma criança como Jake” será o ponto de partida para três sessões especiais com convidados sobre os temas da parentalidade, diferença e educação.

Todos queremos que os nossos filhos sejam especiais, mas será que queremos que sejam diferentes? O filme norte-americano “Uma criança como Jake”, protagonizado por Claire Danes, Jim Parsons, Octavia Spencer e Priyanka Chopra, e com estreia marcada a 21 de Março nos cinemas, propõe retratar e analisar a intimidade, a parentalidade nos dias de hoje e as fantasias que acompanham ambas.

Alex e Greg sempre souberam que o seu filho de quatro anos, Jake, estava mais interessado em contos de fadas do que em carros de brincar. Mas quando a diretora da pré-primária salienta que as brincadeiras incompatíveis com as normas de género podem ser mais que uma fase, eles são forçados a repensar os seus papéis enquanto pais e enquanto casal. A história de um marido e uma mulher que lutam por agir bem pelo filho.

A estreia do filme é o ponto para partida de três sessões especiais com conversas sobre parentalidade, diferença e educação, organizadas pela associação cultural Zero em Comportamento e pela distribuidora Alambique nos cinemas UCI El Corte Inglés em Lisboa.

A primeira sessão contará com a presença do psiquiatra e escritor Daniel Sampaio, que falará sobre o tema da aceitação da diferença e o papel dos pais e da escola. As outras duas sessões abordarão os temas "Filhos: Expectativa Vs Realidade" e "Como liderar com a diferença na escola?" e contarão com a presença de representantes das associações LGBTI AMPLOS (Associação de Mães e Pais pela Liberdade de Orientação Sexual e Identidade de Género) e CasaQui, e com representantes da Escola Superior de Educadores de Infância Maria Ulrich e da Associação de Profissionais de Educação de Infância.

Programa:
Palestra "A aceitação da diferença e o papel dos pais e da escola"
Por Daniel Sampaio, psiquiatra e escritor
Apresentação por Rui Pereira, Zero em Comportamento
15 mar.: 21.30h

Conversa “Filhos: Expectativa vs Realidade”
Com: Rita Castanheira Alves, psicóloga e responsável pelo projecto Psicóloga dos Miúdos; Manuela Ferreira, Vice-Presidente da Amplos - Associação de Mães e Pais pela Liberdade de Orientação Sexual e Identidade de Género
Moderação por Alexandra Neves da Silva, Plataforma Nheko
16 mar.: 21.30h

Conversa “Como lidar com a diferença na Escola?”
Com: Catarina Rêgo Moreira, psicóloga clínica da CasaQui, Associação de Solidariedade Social;  Elisabete Xavier Gomes, Presidente do Conselho de Direcção da Escola Superior de Educadores de Infância Maria Ulrich; Susana Alberto, educadora de infância e membro da Direção da Associação de Profissionais de Educação de Infância
Moderação por Rui Pereira, Zero em Comportamento
23 mar.: 21.30h

Convidados e Instituições

Daniel Sampaio
Psiquiatra e escritor

Rita Castanheira Alves
Psicóloga clínica desde 2007, especialista na área clínica e da saúde e na área de intervenção precoce. É criadora e diretora do projeto Psicóloga dos Miúdos, no qual desenvolve trabalho na área da intervenção clínica e da prevenção com crianças, adolescentes, suas famílias e educadores. É autora de livros de puericultura e infantis.

Manuela Ferreira
Mãe AMPLOS desde 2010 e sua vice-presidente desde 2013. Abraçou a causa LGBTI, quando soube que um dos seus filhos era gay. Desde então tem trabalhado com famílias de pessoas LGBTI. O trabalho na AMPLOS levou-a a participar em diversos eventos, conferências não só em Portugal como no estrangeiro.

Alexandra Neves da Silva
Tem formação na área social onde trabalhou mais de 10 anos. Outros tantos foram passados no Serviço Educativo de um Centro Cultural, no diálogo entre a arte e a educação. Atualmente é coordenadora da Associação 1%, onde trabalha diariamente para a construção de um mundo melhor. Também faz parte da equipa da LadoOposto Produções, uma agência que representa mais de uma mão cheia de bandas portuguesas. Em 2015, criou a plataforma Nheko, um projeto editorial sobre a Vida em Família.

Catarina Rêgo Moreira
Psicóloga clínica da CasaQui, Associação de Solidariedade Social. Escreveu a dissertação de mestrado sobre o tema "A Caminho da Aceitação... Vivências de mães e pais face à identidade de género dos/as filhos/as não conforme o sexo". Do seu percurso de prática clínica destaca-se o trabalho com pessoas trans e suas famílias. Integrou a equipa do Gabinete de Apoio à Vítima para a Juventude LGBTI da Casa Qui em 2016.

Elisabete Xavier Gomes
Professora de Pedagogia na Escola Superior de Educadores de Infância Maria Ulrich, desde 2014, onde exerce também funções de direção. Foi Assistente na Escola Superior de Educação de Beja (1997-2006) e Professora Adjunta convidada na Escola Superior de Educação de Lisboa (2010-2014). Doutorou-se em Ciências da Educação pela Universidade Nova de Lisboa (2011), com a tese “Perspetivar as cidades como espaços públicos de educação de crianças”. Preocupa-se com a burocratização da educação e centra a sua investigação na análise de formas democráticas de vida pedagógica, na formação inicial docente e nas fronteiras entre educação e outros processos humanos complexos (vida nas cidades, política, arte e cultura).

Susana Alberto
Educadora de Infância desde 2006, pela Escola Superior de Educação de Lisboa. Membro da Direção da APEI, formadora e, atualmente, a coordenar um projeto educacional/de intervenção social relacionado com o desenvolvimento das crianças dos 0-6 anos, em família, através do brincar – Projeto Grupos Aprender, Brincar, Crescer (GABC).

Rui Pereira
Responsável pela associação cultural Zero em Comportamento, que pretende disponibilizar filmes de grande qualidade artística e conteúdo de significativo valor educativo para os educadores - pais e professores.

Obs.: Os bilhetes podem ser comprados nas bilheteiras do cinema três dias antes de cada sessão, com um preço de 7€ ou online por 6,30€.