LITERACIA FINANCEIRA NA INFÂNCIA

EO 2022 Finanças Pessoais | Fonte: Credível
  • slider

Será que estamos a preparar as nossas crianças para serem bem-sucedidas a nível financeiro no futuro?

Este é um tema realmente delicado. Hoje em dia, uma das áreas onde existe menos conhecimento é a área da literacia financeira, sobretudo entre jovens, já que não existe qualquer tipo de formação no nosso ensino escolar. Muitos jovens chegam à idade adulta a saber muito pouco, ou mesmo nada, sobre finanças pessoais ou sobre como gerir de forma eficaz o seu dinheiro.

Mas como devemos de introduzir este tema na educação dos nossos pequenos? Faz sentido que seja logo desde pequeninos? A resposta é SIM!

Existem pequenas ações que podemos começar a introduzir na vida dos mais pequenos logo desde cedo que os irão ajudar a ser adultos mais bem informados a nível financeiro.

O primeiro passo é ensinar o que é o dinheiro e para que serve. É essencial que os mais novos tenham plena noção do que é o dinheiro, para que é que serve e acima de tudo, perceberem que para podermos ter algo é preciso trabalhar muito e afincadamente. É muito importante que se explique desde cedo que as coisas não se conseguem de mão beijada e simplesmente porque queremos.

Esta pode não ser uma conversa tão simples como parece. É necessário desconstruir este tema e saber levá-lo de forma delicada, é de extrema importância ser claro e responder a questões que possam surgir adaptando à idade e à complexidade da questão.

Depois de alguns conceitos serem compreendidos podemos avançar para algo mais prático. É importante saber aplicar os conceitos de poupança e incentivar as crianças a gerirem o seu dinheiro de forma independente. Uma boa ideia para colocar em prática todos os conceitos anteriormente mencionados é a compra de um brinquedo ou algo que os mais novos queiram muito com o seu próprio dinheirinho. Assim, conseguem perceber o valor do dinheiro e a importância de o poupar.

O mealheiro, a mesada e os cartões bancários para jovens são também boas opções para incentivar a poupança.

Mais tarde, é também importante ensinar como devem investir de forma consciente e lucrativa, perceber que o dinheiro parado acaba por desaparecer e é importante perceber como ele pode ganhar ainda mais valor.

Esperamos que comece já a ensinar os mais pequenotes a poupar, afinal conversar sobre literacia financeira com os mais novos, permite que se tornem adultos mais informados e conscientes sobre a influência que o dinheiro tem nas suas vidas.

Saiba mais: Site