CRUZAR PORTUGAL PELA ESTRADA NACIONAL 2

EO 2020 Passeio
  • slider

É a terceira maior estrada do mundo. Com 738 km, desde Chaves a Faro, é uma boa escolha para uma viagem de carro em família. A EN2 liga paisagens tão diferentes como as vinhas do Douro, as planícies alentejanas ou as praias algarvias, oferendo uma panorâmica global do nosso país.

Conhecida com a Route 66 portuguesa, um programa em família para atravessar a Estrada Nacional 2 pode ser a desculpa perfeita para fazer uma viagem de carro/caravana e conhecer o interior do País.

Distante do mar e da fronteira esta estrada atravessa, exatamente, o meio de Portugal, o seu coração.

A viagem começa em Chaves e termina em Faro, mas, até lá, são dezenas de localidades, monumentos, rios e praias fluviais que pode conhecer pelo caminho. Se preferir pode efetuar o percurso ao contrário, claro, de Faro com direção a Chaves.

Pode fazer o trajeto em um ou 15 dias, tudo depende da sua disponibilidade, da quantidade de paragens e quanto tempo fica em cada local. Como recordação e para estimular os miúdos, adquira o passaporte da EN2 que pode obter num Posto de Turismo e depois, sempre que parar numa localidade, conseguir vários carimbos.

EMBARQUE NESTA JORNADA

A sugestão é que comece esta viagem em Chaves no marco que assinala o km 0 na rotunda perto do Jardim público de Chaves. Depois siga a estrada até Lamego e Viseu. Toda esta área tem paisagens ricas de montanhas, várias águas termais para conhecer e passa pelo rio Douro. Em Lamego não se esqueça de visitar o marco mais importante da cidade – o Santuário de Nossa Senhora dos Remédios. Até lá tem de percorrer 686 degraus, precisamente.

Quando chegar a Penacova, se tiver oportunidade e tempo, tente explorar o Roteiro do Arista oferecido pelo Posto de Turismo do concelho. De Penacova, passando pela Sertã, até Vila de Rei são muitas as praias fluviais a explorar.

Especialmente, Vila de Rei é ponto de paragem obrigatório. É lá que está o marco geodésico que determina o centro do País, além disso encontra a praia belíssima do penedo Furado e os passadiços, de mesmo nome, com 532 metros.

Abrantes é o último ponto a visitar a norte do rio Tejo, por isso suba ao castelo e admira a vista sobre o rio, Beira Baixa, Alentejo e Ribatejo.

Depois de atravessar o Tejo chega, finalmente, ao Alentejo zona de planícies, muita cultura e excelente gastronomia. A Barragem de Montargil é paragem obrigatória assim como Ajustrel e, já no Algarve, São Brás de Alportel.

Depois de mais de 700 km e 35 concelhos chega por fim ao mar, mais precisamente a Faro. A capital do Algarve tem muita história para descobrir no centro e praias belíssimas que convidam a vários mergulhos.

Se pretende mesmo embarcar nesta aventura aconselhamos a consultar AQUI o site oficial dedicado a esta rota.