UM DIA NAS COMPRAS

EO 2016 Porto e NortePasseio
  • slider

Que tal passar um dia a percorrer as lindíssimas lojas de comércio tradicional que ainda há no Porto?

Algumas, até já saíram em revistas internacionais pela antiguidade mas também, e principalmente, pela sua beleza. O ideal é começarem pelo grande símbolo do comércio tradicional no Porto, o mercado do Bolhão. Já não é o que foi mas, para os mais pequenos, é o local ideal para verem como se faziam as compras antigamente, por exemplo, verem o feijão em sacos de sarapilheira, contactarem com a graça das vendedoras ou deliciarem-se com a cor das flores, das frutas e dos legumes todos muito bem ordenados nas bancas do mercado.

À saída, pela porta sul, a escassos metros, está outra maravilha, a Pérola do Bolhão, uma prestigiada mercearia fundada em 1917. Exteriormente é uma delícia de se ver, talvez seja um dos edifícios mais fotografados pelos turistas na cidade do Porto graças à sua fachada Arte Nova, com azulejos que ilustram a rota das especiarias. Lá dentro, é um mundo de escritório, arrecadação e arquivo, de prateleiras cheias de latas de conservas, garrafas de água, sacos de arroz e de açúcar, enfim, uma verdadeira mercearia das antigas.

Ao virar da esquina, não deixem de espreitar na rua Sá da Bandeira a Casa Chinesa. Abriu há 70 anos e não é a loja dos chineses de hoje mas sim uma casa que ganhou o nome pelas especiarias e produtos do Oriente que vendia.

A não perder, também, é a Casa Hortícola, num dos torreões do mercado. A loja é um verdadeiro mundo de cor. São centenas de embalagens de sementes e caixas de bolbos que se acotovelam nos armários.

Neste passeio pelas lojas de comércio do Porto, a hora de almoço só pode ser no Majestic. É um símbolo da cidade e verdadeiramente maravilhoso. Em 2011 foi considerado o sexto café mais bonito do mundo! Para os mais pequenos vai ser um almoço num cenário de histórias de encantar.

E o mesmo poderá dizer-se da livraria Lello. Sem dúvida a mais bonita de Portugal. Passem por lá, vejam o seu maravilho interior, a escadaria de madeira única e aproveitem para um momento de sossego entre os livros.

O passeio não ficaria completo sem uma ida à zona da Cedofeita. Onde existiu a mítica casa Margaridense, famosa pelo seu pão de ló. Agora há a Casa de Ló mas o espaço continua a merecer ser visitado. Na loja, mantêm-se os antigos móveis em madeira e o balcão em mármore. Não deixem de provar o famoso pão de ló ou a geleia de marmelada.

No fim do dia ficará a recordação de outros tempos...