PROCURA-SE ORIGINALIDADE PARA DESAFIO ESPECIAL E INCLUSIVO

EO 2020 Concurso
  • slider

O projeto Percursos Sensoriais desafia as famílias que queiram apoiar a diferença e o afastamento causado pela deficiência. Desafio: construção de uma bola sensorial, na qual se utilizem todos os que a criatividade ditar! Esta é 1ª edição do concurso "Bolas Sensoriais - Sentir com Todos os Sentidos", numa parceria entre Percursos Sensoriais, Serviço Cultural Educativo do Bairro dos Museus - Fundação D. Luís e Estrelas & Ouriços.

Numa altura em que o isolamento social se impõe, podemos refletir na importância do toque e de todas as emoções que envolvem os cinco sentidos. Para que tais experiências sejam aguçadas, o repto é lançado através de um projeto no qual cada família pode criar e descobrir uma nova forma de explorar um brinquedo tão comum a todos, mas por vez inacessível a algumas crianças com necessidades educativas especiais.

A sensação de clausura e a inevitável experiência de reclusão é vivida diariamente por estas famílias que a maior parte das vezes são impedidas de saírem ou participarem em atividades comuns, seja por barreiras arquitetónicas, a inexistência de oferta adaptada e ainda a impossibilidade de escolha.

COMO PARTICIPAR

O desafio será a construção de uma bola sensorial, explorando e utilizando vários materiais, sons, texturas, cores, cheiros e quem sabe sabores. Materiais como guizos, tampas, tecidos, lã, penas, trapilho, caricas, brinquedos, recipientes, material natural são bem-vindos neste ato criativo, onde o limite é a imaginação num momento partilhado em família.

As bolas sensoriais mais criativas terão oportunidade de figurar no Encontro Sensorial Inclusivo, em Cascais, no mês de setembro.

Este evento, para todos, tem como objetivo disponibilizar um conjunto de experiências sensoriais e culturais, onde o público alvo com necessidades educativas se sinta acolhido e apoiado através de propostas e atividades à sua medida.

METODOLOGIA/CRITÉRIOS A TER EM CONTA

Acessibilidade: pensar no uso e na manipulação da bola construída, se esta é acessível à criança com necessidades educativas especiais, com segurança acima de tudo. Neste critério vale fazer uma ressalva em relação ao tamanho da bola. Tudo é bem-vindo, pois o objetivo é ser acessível a todos e dar a oportunidade da fruição de várias experiências.

Aspetos Sensoriais: entende-se por bola sensorial tudo que for esfera, círculo, arco, ou circunferência que possa reunir diferentes texturas, podendo envolver mais do que um sentido. É sensorial tudo aquilo que é percebido através dos cinco sentidos, podendo ser visível, palpável, etc.

Funcionalidade: o principal objetivo é que esta bola seja um objeto com que se possa brincar no sentido mais amplo da palavra. Não é preciso ser apenas uma bola de uso convencional: a ideia é explorar a criatividade!

Os participantes deverão enviar até duas fotos das suas produções para este email indicando o nome e a idade dos participantes e preenchendo um formulário disponibilizado na altura da respetiva inscrição. O prazo para participar termina a 31 de maio.

Consulte o regulamento deste desafio aqui e participe!