VIAGEM À HUNGRIA

EO 2021 LisboaConcerto28 Nov.: 12h-13h, 17h-18hM/610€
  • slider

A Orquestra Gulbenkian oferece um concerto surpreendente a todas as famílias, no dia 28 de novembro, a decorrer no Grande Auditório da Fundação Calouste Gulbenkian.

Em 1896, o compositor checo Antonín Dvořák inspirou-se em contos do folclore local para a criação de quatro poemas sinfónicos, sobre poemas de Karel Jaromír Erben. Uma dessas peças intitula-se A Bruxa do Meio-Dia e retrata os potenciais excessos da proteção dos filhos quando os pais tentam mantê-los a salvo das ameaças do mundo exterior.

É também a ligação à cultura popular que está na base do Concerto Romeno de Ligeti, enquanto Liszt se debruçou sobre melodias gregorianas para a criação de Dança da Morte.

Num programa fértil na exploração de pistas criativas, pode ouvir também a música que Verdi compôs para a ópera Macbeth, a partir de uma das mais emblemáticas peças de teatro de William Shakespeare.

PROGRAMA

Orquestra Gulbenkian
Maestro: Nuno Coelho
Piano: Nuno Cernadas

Antonín Dvořák (1841 – 1904)
A Bruxa do Meio-Dia, op. 108

Franz Liszt (1811 –1886)
Dança da morte (Totentanz), S. 126

György Ligeti (1923 – 2006)
Concerto romeno (Concert românesc)
1. Andantino
2. Allegro vivace
3. Adagio ma non troppo
4. Molto vivace

Giuseppe Verdi (1813 – 1901)
Música de bailado da ópera Macbeth

Mais informações aqui.

Obs.: A apresentação do Certificado Digital Covid ou de um teste negativo, bem como a utilização de máscara durante todo o evento são obrigatórias. Não são aceites autotestes. Conheça as condições de acesso aqui.