SÁBADOS EM FAMÍLIA EM OUTUBRO

EO 2020 LisboaSessão de Cinema e Oficina3, 10, 17, 24, 31 Out.: 15hM/61,10€ / 3,20€
  • slider

As sessões de cinema e oficinas dedicadas ao mais novos, na companhia dos seus pais, vão estar de volta à Cinemateca Júnior, todos os sábados de outubro.

Em outubro, a chuva vai limpar as ruas, dar mais vida à Natureza e convidá-lo a entrar no conforto da Cinemateca Júnior para assistir aos filmes de animação da Monstra 2020 e participar de oficinas preparadas para proporcionar momentos de diversão entre pais e filhos.

FANTASIA | 3 out.: 15h | M/12
O mais ambicioso projeto do mago dos desenhos animados, Walt Disney, é um grande filme de animação que dá a ver (e a ouvir) algumas composições musicais célebres, da Pastoral de Beethoven à Sagração da Primavera de Stravinsky. A primeira é ilustrada com uma divertida história no Olimpo grego e a segunda acompanha a origem do mundo e da vida e a extinção dos dinossauros. E há mais: uma irresistivelmente cómica Dança das Horas por crocodilos e hipopótamos, além da presença do rato Mickey como aprendiz de feiticeiro, entre outros grandes momentos musicais e de cinema de animação.

A MINHA VIDA DE COURGETTE | 10 out.: 15h | M/6
Um menino chamado Ícaro, mais conhecido pela alcunha Courgette (curgete), vai para um orfanato depois da trágica morte da mãe. Após este terrível revés e no meio das dificuldades que tem em integrar-se no seu novo lar, descobre o lado solar da vida com a preciosa ajuda do polícia Raymond e dos seus amigos Camille e Simon. Primeira longa-metragem do suíço Claude Barras, este filme de animação em stop motion é adaptado da obra Autobiographie d'une courgette (2002) do escritor francês Gilles Paris.

BOM DIA | 17 out.: 15h | M/6
Pode ser considerado uma variação de um dos mais célebres filmes de Ozu, “NASCI, MAS…, de 1933. Contrariamente à quase totalidade das obras-primas realizadas por Ozu na fase final da sua carreira, OHAYO é uma comédia e não aborda o tema da dissolução de uma família, mas apenas um momento de crise causada por dois miúdos. As crianças fazem greve de silêncio para protestar contra o facto de os pais se recusarem a comprar uma televisão. A realização de Ozu, como sempre rigorosa e perfeita, tece um filme que, ao invés de mostrar o fim de uma vida, ou de uma família, mostra uma continuidade, a aceitação da mudança. Um dos filmes onde o cineasta trabalha exemplarmente a cor.

ADEUS, PAI | 24 out.: 15h | M/12
Realizado nos Açores, a partir de um argumento original de Luís Filipe Rocha, ADEUS, PAI conta a relação de um rapaz de 13 anos com o seu pai. Uma relação distante, porque o pai se dedica sobretudo ao trabalho. Mas um dia, os dois partem juntos de férias para os Açores, onde finalmente se aproximam (ou assim parece).

WALLACE AND GROMIT: A MALDIÇÃO DO COELHOMEM | 31 out.: 15h | M/6
Na primeira longa-metragem da famosa dupla Wallace & Gromit, do estúdio britânico Aardman Animations, Wallace e o seu leal amigo canino tentam resolver o caso dos misteriosos ataques a hortas que ameaçam o Concurso Anual de Vegetais Gigantes. Mais uma aventura destes deliciosos bonecos animados em stop motion, desta vez a parodiar os filmes de terror.

OFICINA DE BOLSO | 31 out.: 11h | 6-10
Todos carregamos no bolso um instrumento que, com as aplicações corretas, pode transformar-se num estúdio de animação. Fazer filmes de animação com um telemóvel é o objetivo desta oficina. Apresentar as melhores aplicações para animar, fazer a banda sonora, editar e sincronizar. Uma oficina de animação e de cinema de bolso.

Marcação prévia até 26 out., aqui.