ENCONTRAR O CACHORRO PERFEITO

EO 2017 Animais de Companhia | Fonte: Purina
  • slider

É fantástico levar um cachorro para casa! Quando tiver escolhido a raça perfeita para si, o próximo passo é encontrar uma instituição de apoio aos animais ou um criador responsável, onde possa encontrar um cachorro para se juntar à sua família.

É importante pensar cuidadosamente em qual a raça de cães que gostaria de ter, antes de levar um cachorro para casa. É muito fácil ser seduzido pelos grandes olhos castanhos de um cachorro ou por uma bola felpuda cheia de energia, mas lembre-se que ter um cão implica uma relação de longo-prazo, por isso, é importante que tanto a sua família como o seu animal de estimação sejam compatíveis.

Um cão não deve apenas ser adequado ao seu estilo de vida, mas também ao seu meio ambiente. Por exemplo, se vive numa casa pequena com pouco espaço exterior, o mais adequado para si será um cão pequeno.

Tal como a raça, é também importante considerar a idade do cão. Como os cachorros exigem muito trabalho de treino, poderá perguntar a si mesmo “ficaria melhor se adotasse um cão adulto?” se não tem tempo suficiente para dedicar a um cachorro atrevido!

Se tem a certeza que um cachorro é o mais adequado para si, então vem agora a parte divertida – encontrar o seu novo companheiro~de quatro patas!

Adotar um cachorro

Para garantir que encontra um criador com boa reputação, que quererá o melhor para si e para o seu cachorro, o Clube Português de Canicultura disponibiliza uma lista de criadores com ninhadas registadas. Os grupos e clubes de raças poderão também ser uma boa fonte de informação para encontrar um criador bem recomendado.

Não se sinta tentado a adquirir um cachorro online (sem o conhecer primeiro) ou em qualquer circunstância em que a história do cachorro não seja conhecida (por exemplo, através de um anúncio num jornal), independentemente de serem muito fofinhos! Estes cachorros podem vir de criações irresponsáveis ou, pior ainda, podem ter sido roubados.

Se está a pensar comprar um cachorro num criador, pode fazer um pouco de trabalho de casa extra, pesquisando online. As exposições caninas são também boas ocasiões para conhecer criadores e donos, bem como saber mais sobre a raça em que está interessado.

O que deve perguntar ao criador ao adquirir um cachorro?

Antes de visitar o seu criador, telefone-lhe. Qualquer criador responsável ficará satisfeito por falar consigo e responder a perguntas sobre a sua ninhada. Algumas das questões que poderá querer fazer ao seu criador incluem:

•    Sobre a mãe e o pai
•    Sobre os cachorros
•    Sobre o criador
•    Conhecer a ninhada
•    Quantas ninhadas teve a mãe e em quantos anos? Criadores responsáveis nunca terão mais do que uma ninhada por cadela, por ano.
•    Como correu a gravidez? A mãe teve alguma complicação?
•    A mãe ou o pai têm algum problema de saúde? Pergunte especificamente sobre displasias da anca ou do cotovelo e sobre quaisquer problemas nos olhos.
•    Foram feitos testes para despiste de algum problema genético específico da raça? (deve pesquisar antes de contactar o criador para saber quais os testes disponíveis).
•    É possível conhecer o pai? Se ele não estiver por perto, deve insistir em conhecer a mãe.

Escolher o seu cachorro

Escolher um cachorro é muito emocionante e deve estar ansioso por receber um novo membro perfeito para a sua família. Ao adquirir um cachorro num criador, normalmente, conhecerá a ninhada pela primeira vez quando os cachorros tiverem cerca de seis semanas de idade e poderá, nessa altura, escolher o que é perfeito para si!

Se for possível, tente visitar o seu cachorro regularmente para que ele o comece a conhecer. Leve a sua família consigo para que o cachorro se habitue a todos, afinal ter um cachorro é um compromisso familiar. Lembre-se apenas que pode ser assustador para um cachorro pequeno contactar com muitas pessoas novas. Por isso, se a sua família é grande, tente visitá-lo em pequenos grupos. Após a sua visita, poderá deixar uma peça de roupa sua para que o seu cachorro se possa habituar ao seu odor.

Aspetos a estar atento no seu cachorro

Pelas seis semanas, o seu cachorro deve demonstrar interesse por si e pelo ambiente. Estará desejoso de cheirar as suas mãos e explorar o mundo que o rodeia. Deverá ser brincalhão e certamente traquinas!

Tenha em atenção que os cachorros mais pequenos da ninhada podem ter problemas de saúde e que os cachorros nervosos, mais afastados ou demasiado excitados podem precisar de mais treino e sociabilização.

Os cachorros devem ser roliços, mas sem serem gordos, e não devem apresentar caroços ou inchaços. O cachorro perfeito deve também ter os olhos limpos e brilhantes e as orelhas limpas. O pelo deve ser suave e limpo, sem peladas ou manchas pretas e o cachorro não deve estar a coçar-se.

Coloque no chão o seu potencial cachorro, que deve ficar interessado pelo ambiente que o rodeia, de imediato. Bata palmas e dê um grito agudo para verificar se ele responde. A surdez pode ser um problema em algumas raças, tais como os Dálmatas e outras raças de cor branca, pelo que deve certificar-se que o seu cachorro responde, quando é exposto a barulhos repentinos.

Levar o cachorro perfeito para casa

O tempo que o cachorro passa com a sua mãe e irmãos é essencial. É quando eles aprendem a ser um cão e é também quando desenvolvem competências de sociabilização essenciais com a sua mãe e os seus irmãos.

Regra geral, deverá levar o seu cachorro para casa, por volta das oito semanas (ou um pouco mais tarde em algumas raças). Levar um cachorro para a nova casa cedo de mais não é recomendado e pode ser um sinal de que o seu criador não segue as condutas de criação mais adequadas. É importante que saiba que alguns seguros não cobrem os cães que saíram do criador antes das 8 semanas de idade.

Às vezes, um criador poderá pedir-lhe para esperar até às 12 semanas. Se for esse o caso, certifique-se que o cachorro irá crescer numa casa movimentada, onde seja bem sociabilizado, durante estas semanas tão importantes.

A altura em que levar o cachorro para casa também influenciará as vacinas que ele já terá tomado – verifique com o criador, que lhe deverá facultar o boletim de saúde do seu cão com informação sobre a vacinação (bem como desparatisação e outros tratamentos).

Se após escolher um cachorro, lhe for pedido que esperar até mais tarde do que as habituais 8-12 semanas, pode existir alguma razão para o criador os querer manter consigo. Deve perguntar o porquê desta espera.

Finalmente, certifique-se que sabe qual a ração que o seu cachorro tem recebido e quais os seus hábitos alimentares. Se puder continuar com estes hábitos, pelo menos inicialmente, poderá ajudar o seu cachorro a ambientar-se à sua nova vida.

Adotar um cachorro

Lembre-se que há uma alternativa a adquirir um cachorro num criador. Há muitos cachorros que foram abandonados ou que, por alguma razão, precisam de um novo lar. Pode decidir procurar um cachorro numa associação ou num centro de acolhimento de animais.

Um bom centro de acolhimento terá alojamentos limpos e acolhedores, com uma área quente e protegida para descanso, muito espaço para exercício e brinquedos. Os colaboradores das boas associações passarão tempo com os cachorros para assegurar que os seus cachorros estão bem sociabilizados e que serão uma adição amigável à sua família. Os colaboradores do centro de acolhimento devem ficar satisfeitos por oferecerem ajuda sobre como adquirir um cachorro se vai ser dono pela primeira vez.

A Purina pode ajudar nas questões que surjam na adoção de um cachorro. Quer compre ou adote o seu cachorro, tem um futuro fantástico e repleto de emocionantes aventuras à sua espera!


Com o apoio: Purina