PASSARINHOS A VOAR… NA LEZÍRIA

EO 2017 Região de LisboaPasseio
  • slider
  • slider
  • slider

Há um refúgio para as aves que descansam no Tejo, mesmo às portas de Lisboa… e tão poucos o conhecem. Está na hora da família pegar nos binóculos e descobrir o EVOA.

1 Para além do par de binóculos, leve uma dose de paciência e de silêncio. É que as aves conseguem ouvir-nos. Por isso, há que ficar escondidos no observatório, junto à lagoa principal, e pelas janelas que dão para as pequenas ilhas não perder o magnífico espetáculo da Natureza. Estamos no EVOA – Espaço de Visitação e Observação de Aves, situado em Samora Correia. De Lisboa é apenas meia hora de viagem. Ao longe, fica para trás o horizonte urbano da cidade. Pela frente, em mais de 14 mil hectares, o silêncio é interrompido apenas pelo canto das aves. Pode ser um rouxinol-bravo ou um fuinha-dos-juncos a voar sobre os caniçais. Junto à água estão, marrequinhas, e casais de patos-colhereiros. Segundo os responsáveis do EVOA, serão cerca de 120 000 aves que vivem na parte sul da Lezíria Grande, junto a Vila Franca de Xira.

2 O EVOA é muito procurado pelos amantes do birdwatching (observação de aves) uma atividade que é praticada em todo o mundo por milhões de pessoas. Um passeio ao EVOA é um momento de encontro de família, de descontração e de proximidade com a Natureza. Um passeio original na Reserva Natural do Estuário do Tejo por três lagoas de água doce, criadas propositadamente para atrair as aves migratórias. Um interessantíssimo centro de interpretação ajuda-nos a entrar neste mundo maravilhoso das aves.

3 As visitas pelos cinco quilómetros de caniçais na margem das três lagoas podem ser feitas com ou sem guia mas para quem nunca fez, o melhor é optar pelo guia. A melhor altura do dia para esta visita é pela hora da maré cheia, quando as aves se refugiam nas águas das lagoas. O passeio demora cerca de duas horas. Pelo caminho vai-se parando nas pequenas casinhas de madeira à beira da água. É ali que se pode ficar a ver as aves. Não se esqueçam da máquina fotográfica, fundamental neste tipo de passeios.

4 O Centro de Interpretação do EVOA, tem uma cafetaria onde é possível tomar refeições ligeiras mas uma opção bem mais divertida é levar um piquenique e desfrutar da zona de merendas coberta. Uma boa altura para rever as fotografias que se tiraram num passeio difícil de esquecer.