UM OÁSIS NA CIDADE

EO 2017 Porto e NorteJardimM/00€
  • slider

ATIVIDADE GRÁTIS

O Jardim Botânico do Porto é um bom local para um passeio em família. Mais ainda se antes tiver lido "O Rapaz de Bronz" ou "A Floresta", dois livros de Sophia de Mello Breyner inspirados neste cenário maravilhoso e romântico.

Como esta propriedade pertencia à família Andresen, Sophia teve o privilégio de a percorrer e admirar desde criança, ficcionando-a mais tarde.

Em resumo, o que pode ver nos 5,8 hectares do Jardim Botânico é: um Roseiral, dois lagos (um dos quais com lindos nenúfares e outras plantas aquáticas), árvores centenária (magnólias, gimnospérmicas, faias, carvalhos, tulipeiros), espécies raras e/ou exóticas (plantas tropicais, orquídeas e suculentas), jardim de catos, estufas, viveiros, meio quilómetro de Camélias talhadas em sebes, adega (depósito de água), jardim das plantas anuais (antiga horta) e jardim dos Jotas (de João de Joana Andresen).

A entrada no Jardim é gratuita. Durante a semana o horário é das 9h às 18h e ao fim de semana o horário é das 10h às 18h.

Se conseguir juntar um grupo de cerca de 20 pessoas pode marcar uma visita guiada e escolher um dos 3 percursos: Percurso geral, Percurso Evolutivo e Jardins de Sophia. Os dois primeiros mais focados na biologia e botânica e o último mais histórico e literário. A apresentação do universo de Sophia contempla a visita à casa Andresen (construída no sec. XIX) e dos jardins que a rodeiam.

Situado na antiga Quinta do Campo Alegre, uma zona central do Porto, é um oásis repousante na cidade acelerada!