CAVES DO VINHO DO PORTO, EM GAIA, PARA MIÚDOS E GRAÚDOS

EO 2015 Porto e NortePatrimónio
  • slider

Como todos sabem, o vinho do Porto é uma das maiores riquezas do Norte do país.

O que nem todos sabem é que as caves deste famoso vinho, situadas na zona ribeirinha de Gaia, são visitáveis. Pois é, e ao visitá-las fica a saber como é produzido e armazenado um dos melhores vinhos do mundo.

Para tal, basta atravessar a pé a velha ponte D. Luís e seguir as inúmeras indicações existentes na rua marginal. A maioria das caves está situada nas encostas de Gaia, entre as pontes D. Luís e Arrábida. Todas as caves das empresas exportadoras de Vila Nova de Gaia propõem agradáveis e informativas visitas às suas instalações, no entanto, apesar de ser possível fazê-lo sem marcação, aconselhamos uma marcação prévia.

No silêncio sepulcral das pipas em envelhecimento, na escuridão e humidade das garrafeiras, revela-se a identidade de cada empresa e dos homens que lhe estiveram na origem. São lugares marcados pelo vinho e pelo tempo, que formam um elemento incontornável do Douro e da alma do vinho Porto. Mas não são apenas estes aspectos que justificam a visita: o profissionalismo dos guias, o enquadramento do espaço e a simpatia, garantem o sucesso do programa, junto de miúdos e graúdos.

Tratam-se de 17 caves com centros de visitas que se distinguem umas das outras: umas optam por uma visita mais “cinematográfica” (como a Sandeman, cujo guia enverga a capa e chapéu que caracterizam esta marca), outras apresentam um ou outro aspecto que a destaca. A "Real Companhia Velha", por exemplo, construiu a sua fabulosa garrafeira num túnel inicialmente concebido para a passagem da linha de caminho-de-ferro.

Por fim, outras dispõem de terraços a partir dos quais se pode desfrutar da mais bonita vista sobre a cidade do Porto (Calém, Quinta do Noval, Sandeman, Ramos Pinto e Ferreira). Após a visita, praticamente todas as marcas oferecem uma prova dos seus vinhos, e em todas elas poderá adquirir este famoso ”néctar”.

É hora de almoçar e para tal há caves que incluem restaurante. Destacamos o "Barão de Fladgate" (nas Caves Taylor) que apresenta uma simpática conjugação entre a beleza da paisagem envolvente, a atmosfera mística do vinho do Porto e o universo inglês a ele associado.

Pode ainda optar por um dos restaurantes do Cais de Gaia onde a vista é magnífica e a escolha variada. Das esplanadas pode apreciar outra preciosidade da região, que o vinho do Porto deu a conhecer, os barcos rabelos ali ancorados, que nos transportam para outro tempo.