UM PALÁCIO A VISITAR

EO 2018 MonçãoVisita2ª a Dom.: 9h-12h, 14h-18hM/05€ a 7,5€
  • slider
  • slider
  • slider

O Palácio da Brejoeira, em Monção, é um edifício de estilo Neoclássico, que foi mandado construir no início do séxulo XIX.

"Brejo" significa matagal ou terras pantanosas. Acredita-se que parte da propriedade da Brejoeira fosse formada por terras alagadiças e o povo que tendia em facilitar os nomes das coisas acabou por chamar de Brejoeira a antiga Quinta do Vale da Rosa.

A autoria do projeto é marcada por dúvidas. Deduz-se que este será da autoria Carlos Amarante, no entanto as semelhanças com o Palácio da Ajuda, sugere a existência de influência de Arquitetos de Lisboa. A construção terá sido entregue ao Mestre Domingos Pereira, natural de Vila Nova de Cerveira, e as pinturas dos salões entregues ao Mestre Clemente, de Valença, e ao seu colaborador Julian Martinez.

O Palácio da Brejoeira foi construído em granito, em forma de L, com três torreões. No exterior coexistiam espaços verdes e a agricultura, aproveitando a abundância de água e a fertilidade do terreno. No interior pode-se observar vários salões decorados com peças únicas maioritariamente estilo império e oriental, que revelam o luxo à época, nomeadamente peças de decoração e tapeçarias de vários estilos.

Relativamente à vida do Palácio, muita se tem relatado. Muitas pessoas que terão sido recebidas nesta moradia relataram uma amável hospitalidade e a presença de ilustres figuras da sociedade portuguesa como o Duque de Saldanha, Pinho Leal, D. António Alves Martins, bispo de Viseu, José Augusto Vieira.

Em redor do Palácio desenham-se os jardins estilo Inglês, com lagos, frondosas cameleiras, estátuas de figuras mitológicas. No bosque, encontra uma vasta coleção de árvores exóticas, bem como o lago e a Ilha dos Amores, obras do paisagista de jardinagem Jacinto Matos, que revelam o romantismo deste espaço.

Programa Património (visita interior Palácio, Jardins, Adega Antiga e Capela)
Preço: 7,5€

Programa Quinta (Bosque, Vinhas, Lago e Capela de São Francisco)
Preço: 5€
Horário da visita: nov. a mar.: 11h, 15h, 16h; abr. a out.: 10h, 11h, 15h, 16h, 17h